Terra Roxa – Polícia é recebida com emboscada em comunidade indígena ao realizar apreensão de contrabando


Na tarde de quinta-feira (04) policiais militares do BPFron (Batalhão de Polícia da Fronteira) realizavam patrulhamento pela rodovia BR-272, em Terra Roxa,  quando avistaram dois veículos em atitude suspeita saindo de uma estrada que dá acesso a uma aldeia indígena, próximo ao rio Piquiri.

Diante da suspeita, os militares iniciaram um acompanhamento tático e o condutor de um VW Saveiro fugiu, abandonando o veículo carregado com agrotóxicos contrabandeados do Paraguai. O outro condutor conseguiu fugir.

Após a apreensão, os policiais voltaram à aldeia Tekoha Nhemboate e foram surpreendidos por cerca de 10 índios armados com lâminas de discos, facões e foices.

De acordo com o BPFron, um policial foi agredido com uma esfera de metal, sendo necessário solicitar apoio de equipes policiais da Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Força Nacional, Rocam, Canil e Exército Brasileiro.

Os militares fecharam o cerco e conseguiram acessar a aldeia, realizando uma grande apreensão de produtos contrabandeados do país vizinho.

A ação resultou na apreensão de 591 quilos de agrotóxicos, 650 pacotes de cigarros e 105 pneus, além do veículo VW Saveiro.

 

TRX Online com informações do BPFron